Alguns dias atrás, um boato tenebroso rolou pela internet afirmando que, no Remake de Resident Evil 3, nosso velho camarada Nemesis poderia invadir até as chamadas “salas seguras” (as clássicas “safe rooms”, onde podemos salvar o progresso e ouvir uma deliciosa musiquinha) enquanto perseguia o jogador. Bem, acabou que a Capcom desmentiu o rumor e garantiu que o grandalhão da bazuca e tentáculos vai continuar sem poder fazer isso - porém, mesmo assim, a nova versão do game não será idêntica à clássica do PSone.

Já vimos aqui anteriormente que a história será mais encorpada, com maior destaque aos personagens secundários. Jill também deverá passar por alguns acontecimentos inéditos enquanto luta para escapar de Raccoon City antes da bomba da Umbrella aterrissar por lá. E claro, tudo isso regado a gráficos e ambientação nada menos que espetaculares, que prometem nos tirar o fôlego tanto quanto o grandioso Remake de Resident Evil 2.

Pois é, muita coisa vai mudar em relação a versão de 1999… Mas é legal lembrarmos que alguns elementos que estrearam no clássico ainda estarão no Remake, como os barris vermelhos explosivos (ótimos para exterminar grandes inimigos ou grupos de zumbis) e as esquivas de Jill. Outros porém, como os pontos de escolha entre ficar e lutar ou fugir do Nemesis, caíram fora.

Embora não pareça muito justo comparar a versão original com o Remake, a clara intenção do vídeo acima é nos lembrar do grande progresso tecnológico que nos permitiu um salto tão enorme. Também é válido para nos lembrar que, no final das contas, parecem mesmo experiências diferentes - o que significa que se você jamais jogou o Resident Evil 3 para PSone ou ainda deseja revisita-lo, não vai precisar descartar essa possibilidade mesmo que jogue o Remake de 2020.

Para sabermos como esta nova encarnação de Resident Evil 3 vai funcionar para nossa nostalgia (e estamos mesmo loucos pra joga-lo!), teremos de esperar até o dia 3 de abril no PS4, Xbox One e PC. Olha aí: até lá, ainda dá tempo de retornar ao velho RE3 pra conhecer/matar a saudades!