A Sony está revelando cada vez mais detalhes sobre sua próxima geração de consoles, entre estes que o nome do sucessor do PS4 será mesmo “Playstation 5”, e está sendo projetado para chegar ao mercado norte-americano durante as festas de fim de ano de 2020. Outras informações ainda dizem que o Dual Shock 5 será mais pesado e terá uma bateria melhor que o atual DS4, e que será possível baixar os games de uma forma diferente: o jogador poderá optar por instalar o modo singleplayer e o multiplayer na ordem que quiser, e não precisará necessariamente ter a ambos no HD para que o game funcione 100%.

Porém, o ponto mais preocupante aos fãs que até então estavam tão empolgados gira em torno da retrocompatibilidade entre o PS4 e o PS5. Se isto chegou a ser anunciado como certeza anteriormente, agora já é tratado com muitas ressalvas pela Sony.

Crédito do vídeo: canal Digital Foundry

Recentemente, a Sony Interactive Entertainment chegou a apresentar Gran Turismo Sport rodando em um kit de desenvolvedor do PS5, e também afirmou que o mesmo já rolou com outro exclusivo do PS4, o Spider-Man. Mesmo assim, um representante oficial da SIE Japan deu uma declaração que deixa a retrocompatibilidade entre as duas gerações mergulhada em incertezas.

O cara afirmou que “a equipe de desenvolvimento está totalmente empenhada em verificarem se conseguirão assegurar uma completa compatibilidade”, mas que eles ainda precisam de mais tempo para garantirem que 100% da biblioteca do PS4 poderá mesmo rodar no PS5. Tal declaração foi feita pela SIE após Mark Cerny, principal arquiteto do hardware do PS4, ter praticamente confirmado esta funcionalidade ao apresentar o Playstation 5 - esta foi a forma da Sony dizer “Ei, vamos com menos sede ao pote, pessoal”.

Vamos ficar de olho aberto às novidades sobre o assunto.