Desde antes de sua saída da Konami que Hideo Kojima não via um de seus projetos ser cancelado (ah, Silent Hills…), mas isso voltou a acontecer recentemente. Em uma entrevista dada há pouco tempo, o pai de Metal Gear falou com certo pesar sobre um game ainda nos estágios iniciais de produção que, infelizmente, jamais verá a luz do dia:

"Recentemente, um grande projeto meu foi cancelado e fiquei muito irritado, mas a indústria dos videogames é assim mesmo."

Apesar disso, ele afirma estar trabalhando ativamente em outro projeto no momento. Só vamos torcer para que o cancelado não tenha sido aquele de terror/horror que ele havia dito estar planejando uns tempos atrás…

Na mesma ocasião, Kojima celebrou o fato de que Death Stranding - que até hoje divide as opiniões dos jogadores - valeu cada centavo investido: o game já cobriu todos os seus custos de produção e passou a custear um dos próximos projetos da Kojima Productions.

Por fim, o mestre ainda teve seus “dois dedos de prosa” bem polêmicos para dar sobre o futuro dos games Triple A, dá uma olhada (tradução livre):

"Pessoalmente, acho que os grandes projetos, como os AAA, vão diminuir. (...) Com os serviços de distribuição estilo Steam se tornando mais mainstream, acredito que o método de atualizar constantemente os games se tornará mais produtivo. Os atuais AAA e blockbusters de Hollywood [NdR: no caso dos filmes] demoram entre 3 a 5 anos desde seu planejamento até seu lançamento, demoram demais. Além do orçamento, os estúdios não podem lançar mais nada durante esse tempo. Pra mim, esse é um conceito antiquado.

No entanto, para as séries estrangeiras, é possível fazer tudo isso dentro de uma temporada em alguns meses, com mudanças sugeridas através do feedback do espectador. Os personagens menos populares morrem sem explicação e repetem-se padrões. Depende do alcance que o trabalho consegue ter, mas no meu caso, acho que os games vão adotar essa abordagem."