Lembra-se do silêncio em que a Electronic Arts / BioWare promoveu em relação ao futuro de Anthem? Pois é, para Sean Murray, criador de No Man’s Sky e líder da Hello Games, é este mesmo o caminho que eles deveriam ter continuado a tomar.

Como bem sabemos, No Man’s Sky teve um lançamento bastante aguardado, mas que não tardou a jogar toda a credibilidade e antecipação de quem mal podia esperar para jogá-lo pela janela: gráficos fracos, falta de variedade de coisas a fazer, um final muito fraco e a ausência do multiplayer prometido fizeram do game uma das maiores decepções do ano.

Crédito do vídeo: canal Tubo Infecto!

Foi no fundo do poço da popularidade que Murray entendeu o que deveria fazer para salvar No Man’s Sky - algo que ele acredita que a Electronic Arts, a Bethesda e até a Microsoft poderiam fazer para não piorarem ainda mais as coisas com as comunidades de Anthem, Fallout 76 e também Sea of Thieves (este último sendo outro que ficou abaixo das expectativas, perdendo ainda mais força após o lançamento):

"Nós passamos dois anos sem falar com a imprensa, e cerca de três meses sem dizer nada à comunidade. Foi muito difícil. Eu me sentei tantas vezes e escrevi o blog perfeito que explicaria tudo sobre o desenvolvimento do game e o caminho a seguir. Mas pude ver que não tinha credibilidade naquele momento.

(...) Eu posso ver a EA, a Microsoft ou a Bethesda tentarem acalmar os jogadores apenas falando com eles mas, para o bem e para o mal, isso simplesmente não funciona. Vemos isso sempre que um estúdio conversa e se envolve demais com a comunidade sobre como resolver os problemas, o que acaba por ocupá-los cada vez mais, os distraindo da resolução desses problemas."

Crédito do vídeo: canal KhrazeGaming

Resumindo, Sean Murray acredita que esses estúdios deveriam “fechar as comunicações” à todas as críticas e perderem menos tempo tentando dizer como irão melhorar esses games para, de fato, se empenharem em fazer isso. Você concorda com ele? Ou acha que que as produtoras devem mesmo sempre manterem a comunidade a par de cada passo dado?